Crítica Os sete de Chicago

Baseado em uma história real, Os sete de Chicago tem feito sucesso e é forte candidato na disputa por prêmios como o Globo de Ouro e o Oscar. Confira abaixo o que achamos e o porquê vale a pena assistir. 



Sinopse de Os sete de Chicago

O filme mostra o julgamento de sete líderes de diferentes movimentos sociais que foram presos e acusados pelo governo americano de conspiração e incitação à violência nos protestos de 1968, em Chicago. 

Nossa avaliação

É sem dúvida um filme que vale a pena assistir e certamente é mais um que te fará refletir sobre algumas questões da nossa sociedade. A obra traz para o debate a reflexão sobre julgamentos políticos, ou seja, que o que está em discussão não é se houve crime e sim a real intenção de agentes da lei pela condenação. Algo que certamente pode te lembrar casos parecidos na justiça brasileira. 

E apesar de se tratar de um filme com temas pesados, você também vai rir em algumas ocasiões. Isso porque a obra conta simplesmente com Sacha Baran Cohen, que é conhecido principalmente por ter interpretado Borat. Porém, em diversos momentos ele te lembrará mais o "General Aladeen", que o ator fez em "O Ditador", embora seja bem mais inteligente em "Os sete de Chicago".

Portanto, por mais que te faça refletir, não é algo chato ou que tentará te passar uma mensagem a todo instante. Você vai aproveitar o filme, enquanto compreende os rumos que a situação está tomando.

Onde assistir?

O filme Os sete de Chicago está disponível na Netflix. 

Elenco de Os sete de Chicago:

Além de Sacha, que já falamos acima, o filme conta com muitos outros atores famosos, como Michael Keaton, famoso por interpretar o Batman nos anos 90, Eddie Redmayne, que fez "A teoria de tudo" e Yahya Abdul-Mateen II premiado pelo papel em Watchmen. Confira a lista completa do elenco:

Sacha Baron Cohen como Abbie Hoffman, membro fundador do Partido Internacional da Juventude (Yippies)

Eddie Redmayne como Tom Hayden, líder e ex-presidente da Sociedade de Estudantes pela Democracia (SDS)

Alex Sharp como Rennie Davis, membro da SDS

Jeremy Strong como Jerry Rubin, membro fundador dos Yippies

John Carroll Lynch como Favid Dellinger, líder do Comitê de Mobilização Nacional pelo Fim da Guerra no Vietnã

Noah Robbins como Lee Weiner

Daniel Flaherty como John Froines

Yahya Abdul-Mateen II como Bobby Seale, presidente nacional do Partido dos Panteras Negras e oitavo réu.

Kelvin Harrison Jr. como Fred Hampton, presidente da filial do Illinois do Partido dos Panteras Negras.

Mark Rylance como William Kunstler

Ben Shenkman as Leonard Weinglass

Joseph Gordon-Levitt as Richard Schultz

J. C. MacKenzie como Tom Foran

Frank Langella como Juiz Julius Hoffman

Michael Keaton como Ramsey Clark,  Procurador-Geral dos Estados Unidos no período dos protestos

Pipocando podcast

Quem quiser mais dicas de filmes e músicas com importantes debates sociais sigam o Pipocando Podcast no Spotify:

Postar um comentário

0 Comentários